Portal Cósmico
Loja Virtual   Download de Arquivos Salas de Aula Online Auditório Online Cadastro Contato   Facebook
Galeria de Fotos... Galeria de Fotos... Galeria de Fotos... Galeria de Fotos... Galeria de Fotos...
Cursos a Distância
Eventos
Clique aqui...
Clique aqui...
Clique aqui...
Clique aqui...
Clique aqui...
Clique aqui...
Clique aqui...
Clique aqui...
Menu Principal
Newsletter
Receba nosso informativo:
cartões

Visitantes

131724

Até 21/10/2017 às 04:26h

Textos Publicados

A vidência no Tarô... Revelação dos sonhos

Uma das aplicações do Tarô que goza de enorme prestígio na Europa e em parte da Índia é o jogo com dois baralhos iguais para a explicação e confirmação dos sonhos. Embora seja mais usado com o Tarô e o Oráculo de Belline,pode ser adaptado seu uso em diversos outros Tarôs.

O tarólogo e astrólogo Zanon Melo conta que sua utilização começou na Europa por Belline, que recebeu seus conhecimentos esotéricos de um mestre famoso por suas previsões na França, no século XIX, conhecido como Mago Edmond, discípulo de Mademoiselle De Lenormand.

Embora menos citado hoje, Belline teve grande fama no século passado, principalmente na sociedade parisiense - diz o tarólogo. Sua fama e seu prestigio deveram-se bastante a um Tarô que concebeu e adaptou para facilitar a interpretação. Esse Tarô mostrou-se um excelente instrumento de vidência.

Zanon considera importante lembrar que a leitura do Tarô é totalmente pessoal, e quando o operador maneja as lâminas, muitas vezes, o jogo se impregna com seus fluidos. Isso confere uma forte influência magnética, que deve ser conservada a fim de se manter uma poderosa aliança entre o vidente e o Tarô.

Quanto a consultas ao Tarô para sonhos, o tarólogo diz que elas devem sempre ser feitas em um local tranqüilo, propicio para uma absoluta concentração, tanto do operador quanto do consulente.

Imediatamente após seu uso, deve o Tarô ser guardado em local fechado e sem umidade. Como todos sabem, as cartas são caprichosas e às vezes se negam a falar (o jogo se fecha). Nesse caso, deve-se recorrer a outro método, antes que se consiga o contato esperado. Em caso de fracasso total, quando as cartas não se abrem e não falam deve-se passar a consulta para outra ocasião - recomenda.

No uso do Tarô para a análise de sonhos, Zanon diz que inicialmente vemos três origens para os sonhos:

  1. Uma importante preocupação que toma a mente do consulente, seja por negócios, sentimentos afetivos ou pela realização de um projeto. Seja qual for, quando a preocupação se torna obsessão, ela afeta o sono:
  2. Pode também o sonho ser uma advertência, uma premonição; é um processo do inconsciente ligado ao inconsciente coletivo que mostra um acontecimento próximo, por vezes inesperado, como um encontro, um acidente, um novo negócio, o fim de um amor, uma morte ou uma outra dor ou alegria;
  3. Pode também o sonho ser fantástico, sem conexão aparente com a realidade, dissociado, comum significado oculto e de difícil conhecimento. Segundo o tarólogo, quando se trabalha paralelamente com dois Tarôs, pode-se encontrar com certa facilidade a chave da revelação do sonho.

De forma geral, distribuem-se as lâminas dos dois baralhos em linhas paralelas, uma linha cobrindo a outra com um número igual de lâminas e distribuição zodiacal. Então passa-se à leitura dos Arcanos em conjunto, começando pelo monte formado à direita. Dependendo da análise, da repetição e da dissociação das lâminas e dos símbolos, encontramos a confirmação da próxima materialização do sonho e a indicação de que caminho se deve seguir com essa premonição. Nessa tirada, para cada lâmina em dupla, o consulente obtém uma indicação ou uma advertência, cujo significado estará na seqüência apresentada em cada um dos montes.

Quanto aos sonhos fantásticos, que em geral causam forte impressão, Zanon Melo ressalta que eles quase sempre indicam um aviso que se expressa através de imagens mnemônicas. Sua explicação será encontrada na distribuição, colocação e leitura segundo esse método.

Quando as lâminas não se repetem, existe a hipótese do sonho ser apenas uma dissociação de idéias, como fragmentos juntos sem uma interpretação valiosa, mas isso deve ser bem estudado, inclusive com a troca de baralhos e novo início, conforme o caso.

No caso do baralho não abrir e o sonho ser repetitivo, devemos novamente é consultar as cartas em dias sucessivos, encontrando uma ou várias revelações - aconselha o tarólogo.

Leia também:


Compartilhe:

Enviar por E-mail

Voltar...
 

PORTAL CÓSMICO - MESTRE ZANON MELO

Razão Social: Antonio Carlos Bernardes Pereira de Melo (23553090782) - CNPJ: 11.982.791/0001-19
E-mail: zanon@portalcosmico.com.br - Telefone: (21) 9873-2689
Endereço: Av. Prefeito Dulcidio Cardoso, 2800 - Barra da Tijuca - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 22.631-052

Webdesign: Industria Virtual Copyright ©2017 Portal Cósmico - Todos os direitos reservados.